Notícias

Notícias

SINDIJUFE-MT TEM NOVO ESTATUTO APROVADO PELA CATEGORIA

 

A reforma do estatuto do SINDIJUFE-MT foi aprovada. A proclamação do resultado ocorreu hoje (03/05), em assembleia geral extraordinária no TRE. Para a aprovação da reforma eram necessários 243 votos (50% + 1), e a proposta recebeu 294 votos, tendo sido aprovado com uma folga de 51 votos. Dos 326 votantes, 26  sindicalizados votaram não e 294 votaram sim (63 votos dos sindicalizados do interior do Estado e 263 de Cuiabá). Tiveram apenas 3 votos nulos e 3 em branco.

 

O escrutínio foi ontem à tarde (02/05) na sede do Sindicato, na presença de 2 Diretores que acompanharam e coordenaram ações das funcionárias envolvidas na missão. Encerra-se, assim, um trabalho de longa data, já que a reforma estatutária era um dos compromissos da atual gestão do Sindicato. A reforma do estatuto foi buscada para colocar o Sindicato em sintonia com as mudanças do ordenamento jurídico.

 

 

Desatualizado, o estatuto em vigor será alterado com as inovações necessárias, em conformidade com o plano de gestão da atual Diretoria do Sindicato. Uma das adequações do texto diz respeito à substituição do termo "associado" por "sindicalizado", porque, afinal, o SINDIJUFE-MT não é uma associação. O termo correto, portanto, é sindicalizado, e não associado, e sindicato, em vez de associação.

 

 

O texto do novo estatuto tem uma cláusula específica, e muito importante, sobre a contratação de funcionários e prestadores de serviço como advogados e contadores. O processo, daqui pra frente, será mediante seleção pública, isto é, mediante publicação de edital em jornal de grande circulação. Outro detalhe, ainda referente a este item, é que os candidatos não poderão ter vínculos consanguíneos e afins com nenhum dos diretores do Sindicato.

 

 

No que diz respeito à nova diretoria, eis aqui uma das principais inovações. A diretoria passa a ser executiva colegiada, contendo 3 coordenadores gerais, 3 coordenadores de finanças e 11 coordenadores executivos.

 

 

Outra inovação se refere aos membros do Conselho Fiscal. De acordo com o art. 14 do novo estatuto, os conselheiros fiscais serão eleitos simultaneamente em votação separada, desvinculados e independentes da diretoria executiva e colegiada.

 

 

Para uma maior representatividade possível, o Sindicato buscou a participação de todos os seus sindicalizados, desde o início deste ano, num processo que se estendeu até 30 de abril justamente com este objetivo. O novo estatuto entrará em vigor na nova gestão.

 

CLIQUE AQUI E CONFIRA A MINUTA DA REFORMA

Veja ainda

  • STF retira de pauta recursos que envolvem servidores públicos

  • A conciliação e a mediação no Direito do Trabalho

  • Fórum Sindical, Popular e de Juventudes de luta pelos Direitos e pelas Liberdades Democráticas realiza seminário nacional nos dias 14 e 15 de dezembro

  • Cuiabá e mais quatro cidades concentram 41,13% do PIB de Mato Grosso; veja classificações